Link112
Banner 728x90-Biblia comentada

O Grande dilúvio

Escrito por Moisés* em Gênesis 6:5-9:17

Por Portal Sermões em 10/06/2024 às 11:21:23

E o SENHOR viu que a maldade dos seres humanos era muita na terra, e que todo des√≠gnio dos pensamentos dos seus corações era só mau continuamente. E o SENHOR se arrependeu de haver feito o ser humano na terra, e pesou-lhe em seu coração. E disse o SENHOR: Apagarei os seres humanos que criei de sobre a face da terra, desde o ser humano até o animal, e até o réptil e as aves do céu; porque me arrependo de hav√™-los feito. Porém Noé achou favor aos olhos do SENHOR. Estas são as gerações de Noé: Noé, homem justo, foi √≠ntegro em suas gerações; Noé andava com Deus. E gerou Noé tr√™s filhos: a Sem, a Cam, e a Jafé. Porém a terra se corrompeu diante de Deus, e a terra encheu-se de viol√™ncia. E Deus olhou a terra, e eis que estava corrompida; porque toda carne Isto é, todo ser humano havia corrompido seu caminho sobre a terra. E disse Deus a Noé: O fim de toda carne veio diante de mim; porque a terra est√° cheia de viol√™ncia por causa deles; e eis que eu os destruirei com a terra. Faze-te uma arca de madeira de gôfer: far√°s aposentos na arca e a selar√°s com betume por dentro e por fora. E desta maneira a far√°s: de trezentos côvados o comprimento da arca, de cinquenta côvados sua largura, e de trinta côvados sua altura. Uma janela far√°s à arca, e a acabar√°s a um côvado de elevação pela parte de cima: e por√°s a porta da arca a seu lado; e lhe far√°s piso abaixo, segundo e terceiro.

E eu, eis que eu trago um dil√ļvio de √°guas sobre a terra, para destruir toda carne em que haja esp√≠rito de vida debaixo do céu; tudo o que h√° na terra morrer√°. Mas estabelecerei meu pacto contigo, e entrar√°s na arca tu, e teus filhos e tua mulher, e as mulheres de teus filhos contigo. E de tudo o que vive, de toda carne, dois de cada espécie por√°s na arca, para que tenham vida contigo; macho e f√™mea serão. Das aves segundo sua espécie, e dos animais segundo sua espécie, de todo réptil da terra segundo sua espécie, dois de cada espécie entrarão contigo para que tenham vida. E toma contigo de toda comida que se come, e traga-a a ti; servir√° de alimento para ti e para eles. E o fez assim Noé; fez conforme tudo o que Deus lhe mandou.

E o SENHOR disse a Noé: Entra tu e toda tua casa na arca porque a ti vi justo diante de mim nesta geração. De todo animal limpo tomar√°s de sete em sete, macho e sua f√™mea; mas dos animais que não são limpos, dois, macho e sua f√™mea. Também das aves dos céus de sete em sete, macho e f√™mea; para guardar em vida a descend√™ncia sobre a face de toda a terra. Porque passados ainda sete dias, eu farei chover sobre a terra quarenta dias e quarenta noites; e apagarei toda criatura que fiz de sobre a face da terra. E fez Noé conforme tudo o que lhe mandou o SENHOR. E sendo Noé de seiscentos anos, o dil√ļvio das √°guas foi sobre a terra. E veio Noé, e seus filhos, e sua mulher, e as mulheres de seus filhos com ele à arca, por causa das √°guas do dil√ļvio. Dos animais limpos, e dos animais que não eram limpos, e das aves, e de todo o que anda arrastando sobre a terra, De dois em dois entraram a Noé na arca: macho e f√™mea, como mandou Deus a Noé.

E sucedeu que ao sétimo dia as √°guas do dil√ļvio foram sobre a terra. No ano seiscentos da vida de Noé, no m√™s segundo, no dia dezessete do m√™s, naquele dia foram rompidas todas as fontes do grande abismo, e as comportas dos céus foram abertas; E houve chuva sobre a terra quarenta dias e quarenta noites. Neste mesmo dia entrou Noé, e Sem, e Cam e Jafé, filhos de Noé, a mulher de Noé, e as tr√™s mulheres de seus filhos com ele na arca; Eles e todos os animais silvestres segundo suas espécies, e todos os animais mansos segundo suas espécies, e todo réptil que anda arrastando sobre a terra segundo sua espécie, e toda ave segundo sua espécie, todo p√°ssaro, toda espécie de animal voador. E vieram a Noé à arca, de dois em dois de toda carne em que havia esp√≠rito de vida. E os que vieram, macho e f√™mea de toda carne vieram, como lhe havia mandado Deus: e o SENHOR lhe fechou a porta E foi o dil√ļvio quarenta dias sobre a terra; e as √°guas cresceram, e levantaram a arca, e se elevou sobre a terra. E prevaleceram as √°guas, e cresceram em grande maneira sobre a terra; e andava a arca sobre a face das √°guas. E as √°guas prevaleceram muito em extremo sobre a terra; e todos os montes altos que havia debaixo de todos os céus, foram cobertos. Quinze côvados em altura prevaleceram as √°guas; e foram cobertos os montes. E morreu toda carne que se move sobre a terra, tanto de aves como de gados, e de animais, e de todo réptil que anda arrastando sobre a terra, e todo ser humano: Tudo o que tinha fôlego de esp√≠rito de vida em suas narinas, de tudo o que havia na terra, morreu. Assim foi destru√≠da toda criatura que vivia sobre a face da terra, desde o ser humano até o animal, e os répteis, e as aves do céu; e foram apagados da terra; e restou somente Noé, e os que com ele estavam na arca. E prevaleceram as √°guas sobre a terra cento e cinquenta dias.

E lembrou-se Deus de Noé, e de todos os animais, selvagens e domésticos que estavam com ele na arca; e fez passar Deus um vento sobre a terra, e diminu√≠ram as √°guas. E se fecharam as fontes do abismo, e as comportas dos céus; e a chuva dos céus foi detida. E voltaram-se as √°guas de sobre a terra, indo e voltando; e decresceram as √°guas ao fim de cento e cinquenta dias. E repousou a arca no m√™s sétimo, a dezessete dias do m√™s, sobre os montes de Ararate. E as √°guas foram decrescendo até o m√™s décimo: no décimo, ao primeiro dia do m√™s, se revelaram os cumes dos montes. E sucedeu que, ao fim de quarenta dias, abriu Noé a janela da arca que havia feito, E enviou ao corvo, o qual saiu, e esteve indo e voltando até que as √°guas se secaram de sobre a terra. Enviou também de si à pomba, para ver se as √°guas se haviam retirado de sobre a face da terra; E não achou a pomba onde sentar a planta de seu pé, e voltou-se a ele à arca, porque as √°guas estavam ainda sobre a face de toda a terra: então ele estendeu sua mão e recolhendo-a, a fez entrar consigo na arca. E esperou ainda outros sete dias, e voltou a enviar a pomba fora da arca. E a pomba voltou a ele à hora da tarde; e eis que trazia uma folha de oliveira tomada em seu bico; então Noé entendeu que as √°guas haviam se retirado de sobre a terra.

E esperou ainda outros sete dias, e enviou a pomba, a qual não voltou j√° mais a ele. E sucedeu que no ano seiscentos e um de Noé, no m√™s primeiro, ao primeiro do m√™s, as √°guas se enxugaram de sobre a terra e tirou Noé a cobertura da arca, e olhou, e eis que a face da terra estava enxuta. E no m√™s segundo, aos vinte e sete dias do m√™s, se secou a terra. E falou Deus a Noé dizendo: Sai da arca tu, a tua mulher, os teus filhos, e as mulheres dos teus filhos contigo. Todos os animais que estão contigo de toda carne, de aves e de animais e de todo réptil que anda arrastando sobre a terra, tirar√°s contigo; e vão pela terra, e frutifiquem, e multipliquem-se sobre a terra. Então saiu Noé, e seus filhos, e sua mulher, e as mulheres de seus filhos com ele. Todos os animais, e todo réptil e toda ave, tudo o que se move sobre a terra segundo suas espécies, sa√≠ram da arca. E edificou Noé um altar ao SENHOR e tomou de todo animal limpo e de toda ave limpa, e ofereceu holocaustos sobre o altar. E percebeu o SENHOR cheiro suave; e o SENHOR disse em seu coração: Não voltarei mais a amaldiçoar a terra por causa do ser humano; porque o intento do coração do ser humano é mau desde sua juventude: nem voltarei mais a destruir todo vivente, como fiz. Enquanto a terra durar, a sementeira e a colheita, o frio e calor, verão e inverno, dia e noite, não cessarão.

E Deus abençoou Noé e seus filhos, e disse-lhes: Frutificai, e multiplicai, e enchei a terra: E vosso temor e vosso pavor ser√° sobre todo animal da terra, e sobre toda ave dos céus, em tudo o que se mover na terra, e em todos os peixes do mar: em vossa mão são entregues. Tudo o que se move e vive vos ser√° para mantimento: assim como os legumes e ervas, vos dei disso tudo. Porém a carne com sua vida, que é seu sangue, não comereis. Porque certamente exigirei o sangue de vossas vidas; da mão de todo animal o exigirei, e da mão do ser humano; da mão do homem seu irmão exigirei a vida do ser humano. O que derramar sangue humano, pelo ser humano seu sangue ser√° derramado; porque à imagem de Deus o ser humano foi feito. Mas vós frutificai, e multiplicai-vos; procriai abundantemente na terra, e multiplicai-vos nela. E falou Deus a Noé e a seus filhos com ele, dizendo: Eis que eu mesmo estabeleço meu pacto convosco, e com vossa descend√™ncia depois de vós; E com toda alma vivente que est√° convosco, de aves, de animais, e de toda fera da terra que est√° convosco; desde todos os que sa√≠ram da arca até todo animal da terra. Estabelecerei meu pacto convosco, e não ser√° mais exterminada toda carne com √°guas de dil√ļvio; nem haver√° mais dil√ļvio para destruir a terra. E disse Deus: Este ser√° o sinal do pacto que estabeleço entre mim e vós e toda alma vivente que est√° convosco, por tempos perpétuos: Meu arco porei nas nuvens, o qual ser√° por sinal de aliança entre mim e a terra. E ser√° que quando fizer vir nuvens sobre a terra, se deixar√° ver então meu arco nas nuvens. E me lembrarei do meu pacto, que h√° entre mim e vós e toda alma vivente de toda carne; e não serão mais as √°guas por dil√ļvio para destruir toda carne. E estar√° o arco nas nuvens, e o verei para me lembrar do pacto perpétuo entre Deus e toda alma vivente, com toda carne que h√° sobre a terra. Disse, pois, Deus a Noé: Este ser√° o sinal do pacto que estabeleci entre mim e toda carne que est√° sobre a terra.fon

Fonte: www.historiasdabiblia.com.br





Comunicar erro
Ler anterior

Caim e Abel

Coment√°rios